terça-feira, 12 de maio de 2009

PESSOAS SENSÍVEIS

::Autor Desconhecido::


Nenhum de nós pode escolher as coisas que nos acontecem, algumas boas, outras más. Mas todos podemos escolher nossa resposta às coisas que nos acontecem. Você não é prisioneiro das reações.

Algumas pessoas dizem que são muito "sensíveis", que se magoam facilmente, que se decepcionam com amigos, colegas e família e com aquilo que outros dizem ou fazem. Tais pessoas, que se dizem "muito sensíveis" na verdade não têm muita sensibilidade. Pessoas sensíveis - por definição - são capazes de obter uma gama maior de informações sensoriais e emocionais vindas de outros e, portanto, geralmente são muito mais compreensivas, calmas e raramente se desapontam com os comportamentos alheios, exatamente porque sua sensibilidade aguçada mostra mais do que as aparências, evitando que se desapontem.

Além disso, pessoas sensíveis jamais dizem que são sensíveis.

Então o que são aquelas pessoas que a todo momento se definem como sensíveis, que ficam deprimidas por razões aparentemente pequenas e cujos dias são destruídos por uma advertência do chefe, por uma crítica dos colegas, por uma frase mal construída de um membro da família?

Elas não são sensíveis? Não. Tais pessoas são reativas - o contrário de sensíveis. Pessoas reativas não pensam. Ou melhor, pensam que pensam, quando somente reagem emocionalmente a qualquer coisa, sem refletir, sem controlar, sem observar o todo, como crianças.

Todos nós somos reativos, vez ou outra, mas conforme amadurecemos nos tornamos menos reativos e mais sensíveis, já que escolhemos nossas respostas.

Quando somos crianças, simplesmente reagimos - o que é natural -, por isso, adultos reativos são, normalmente, acusados de um comportamento infantil e birrento.

Uma pessoa sensível, por obter mais informações que estão à sua volta, raramente perde o controle, mesmo quando atacada porque, sendo sensível, ela observa e e-s-c-o-l-h-e a melhor r-e-s-p-o-s-t-a.
Raramente reage, como um animal faminto faria. Você não tem o poder de escolher aquilo que te acontecerá hoje, amanhã ou depois.

Mas você tem o poder de escolher a melhor resposta a tudo o que vai acontecer. Resposta não é reação. Reação é sinônimo de programa automático. Resposta é sinônimo de escolha.

Seja mais sensível, esta semana, evitando dizer a primeira coisa que lhe venha à mente, mesmo que seja algo que você diz pra você mesmo.
Escolha as palavras, escolha os pensamentos, escolha as respostas, fugindo da armadilha que torna a vida das pessoas reativas sempre dependente de cada problema que acontece.

E observe aqueles que dizem que são "sensíveis".

Olhe o comportamento dessas pessoas.

Você verá que elas são completamente dependentes dos humores de outros e dos acontecimentos externos. Elas simplesmente reagem por mais que racionalizem e se enganem, afirmando que suas reações são causadas por sua suposta sensibilidade. Sempre apresentarão razões para suas dores e tristezas, mas ainda assim estarão somente reagindo.

Você tem o poder de escolher aquilo que é melhor. Você pode!
Porque, como afirma Stephen Covey:

"Entre o que acontece comigo e minha reação ao que acontece comigo, há um espaço. Neste espaço está minha capacidade em escolher minhas respostas e definir meu destino".

63 comentários:

  1. Eu nunca pessei dessa forma sobre ser sensível fosse tudo isso, to me sentindo tão infanti. sempre procurei me controlar para não reagir no inpulso, mas sempre dá errado. quero muito poder me controlar e pensar antes, mas quando vejo tudo já aconteceu. deve ser muito infantil mesmo....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. EU confesso que eu sou muito sensível eu acho q até de ms pq por qualquer motivo pequeno que seja eu já foi chorando ou fico muito deprimida

      Excluir
    2. É uma verdadeira luta estar em controle, né?! As vezes tenho vontade de morrer por tanta burrada que falo e faço. E pessoas assim o destino acaba sendo a solidão. Ngm aguente tanto descontrole...

      Excluir
    3. anonimo... vc leu o texto ? sensível não ir se inflamado com qualquer coisa como o texto mesmo diz vc é reativo ...vc reage com choro ou tristeza aquilo q vc não esperava ...certo? sensível é observar nos detalhes em sua volta ter um senso apurado de perceber as coisas .

      Excluir
  2. Ola! Confesso que fiquei um pouco surpresa quando li sobre a verdadeira pessoa sensivel...na verdade me considero sensivel em detectar o sentimento das pessoas e tambem sou muito racional...eh possivel ser sensivel e racional ao mesmo tempo? A sensibilidade extrema eh uma baixa auto-estima ou inseguranca? Obrigada.

    ResponderExcluir
  3. Na verdade a sensibilidade e a racionalidade são característicaas humanas, e as temos em maior ou menor grau. Então, respondendo a sua pergunta... sim, você pode ter essas duas características sim! Agora, não podemos dizer que a sensibilidade extrema é algum problema com a auto-estima ou com a insegurança, pois cada caso deve ser analisado separadamente. Quando lidamos com seres humanos, não existe uma "receita", não é mesmo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Outra coisa, pode por favor dizer-me o nome da obra e do escritor? Gostaria de aprender mais sobre este assunto meu email : silviaanjos@outlook.pt

      Excluir
  4. Não é porque percebo os motivos que levaram uma pessoa a ser grossa comigo que tenho de aturar a grosseria. Ademais, entender os motivos do grosseiro não causa necessariamente em mim controle emocional. A emoção se desencadeia, muitas vezes, sem minha permissão e de maneira ilógica. Seu texto é tendencioso e cheio de afirmações questionáveis.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com voce em nao querer aturar grosserias. Sou extremamente bacana com as pessoas e nao suporto o mal humor, principalmente das mulheres. Tbem sou compreensivel, me ponho no lugar das pessoas e quase nunca me deixo atingir, mas nem por isso vou aturar grosseria...tenho meu limite!

      Excluir
    2. "A autoconfiança é resultado da auto-estima. A autoconfiança é um termo usado para descrever como uma pessoa está segura em suas próprias decisões e ações. Isto pode ser aplicado geralmente às situações ou às tarefas específicas. É ter certeza sobre a capacidade, valores e objetivos. A autoconfiança nunca é herdada; é aprendida. A auto-estima inclui a avaliação subjetiva que uma pessoa faz de si mesma. É ter consciência de seus valores e só quando temos essa consciência é que podemos confiar naquilo que somos capazes. Mas para sabermos do que somos capazes é essencial o autoconhecimento.
      Os maiores inimigos da autoconfiança são: a cobrança interna e externa exagerada, o perfeccionismo, medo, a crítica, rigidez, comparação, inveja, dúvida e também a necessidade de aprovação e reconhecimento, pois tudo isso dificulta a mudança e o desenvolvimento, seja profissional ou pessoal. O pensamento não consigo fazer é incapacitante. A autoconfiança é um atributo importante porque a falta da opinião nas conseqüências de uma ação cria tensão, que aumenta a probabilidade de fracasso, causando assim uma pessoa depressiva.

      Para elevar a autoconfiança é importante ter percepção emocional, que significa reconhecer as próprias emoções. As pessoas com essa percepção sabem que emoções estão sentindo e por que; conseguem relacionar seus sentimentos com o que pensam, fazem e dizem; reconhecem como seus sentimentos afetam seu desempenho e aqueles com quem trabalham e convivem; possuem uma percepção de seus valores e objetivos. É igualmente importante fazer uma auto-avaliação precisa, ou seja, reconhecer os próprios recursos, capacidades e limitações. São pessoas conscientes de seus pontos fracos, capazes de reflexão, aprendendo com sua experiência e com os erros, sem culpas; e mostram mais abertas e flexíveis ao aprendizado, mudanças e autodesenvolvimento."

      Rosemeire Zago

      (http://somostodosum.ig.com.br/conteudo/c.asp?id=09895)

      Excluir
    3. Sou obrigada a rechaçar o comentário estúpido do cidadão ali em cima de que não atura mau humor, principalmente de mulheres. Porque principalmente de mulheres? Vc deveria se avaliar, tem algum ressentimento especial com mulheres decididas e não submissas? Mulheres tem momentos iguais aos dos homens. Esteriótipo de mulher perfeita, educada a todo instante, que não pode ter nenhuma emoção sem ser criticada já era né meu amigo! Se não gosta de mulher azar o seu,aprenda a conviver. Ah, e se achou grosseiro meu comentário, achei o seu tb. Sofra!

      Excluir
  5. Ah um tempo atrás fazia terapia; a psicóloga dizia que era sensível, por chorar facilmente, sentir as coisas intensamento, me magoar com facilidade, etc; agora fiquei confusa

    ResponderExcluir
  6. Adoro quando um texto causa emoções e pensamentos tão diversos!! E adoro, principalmente, quando vocês compartilham essas opiniões aqui no Blog! Obrigada por participarem! Acredito que quando algo ameaça a nossa sensação de segurança, estamos caminhando em direção à mudança... agora se me perguntarem se essa mudança é positiva ou negativa, eu respondo: isso só depende de você!!
    Abraços a todos vocês!!

    ResponderExcluir
  7. Oi Fernanda!

    Tenho lido seus textos! Aproveito então para saber o que tem a dizer sobre como podemos lidar com uma pessoa muito querida, mas que sempre tem a razão de tudo e está sempre certa, e quando percebe um erro assume uma postura de vítima??
    Obrigada e parabéns pelo blog!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, gostaria que entrasse em contato comigo através do meu email: fermayoral@gmail.com. Assim poderá me explicar melhor o que gostaria de saber, sem expor ninguém, não é mesmo?!

      Excluir
    2. Precisava desta resposta TB... Mas a pessoa agride, ao máximo. Tornando se controladora...

      Excluir
  8. Eu não sei explicar, parece que sinto na pele todo sofrimento alheio, uma reportagem, uma música... a empatia é tanta que chega a me fazer mal. Desde aquela pessoa que perdeu tudo na enxente, até aquelas musicas melosas - que não fazem sentido pra mim, pois estou muito bem com uma pessoa a mais de um ano. Qualquer coisa, já vem aquele choro, abafado, que se eu o liberasse choraria várias vezes por dia. Isso vem aumentando e vai fazendo com que quase tudo se torne muito banal perto de todo sofrimento humano. Meu lado racional ri muito disso rs. Não quero que isso continue. É normal? O que eu faço?

    ResponderExcluir
  9. Bom, seria interessante procurar um psicólogo em sua cidade, já que o que vc descreve tem te incomodado ao ponto de se questionar se é normal o que sente... Um profissional poderia ajudá-lo(a) a entender melhor suas emoções, seus pensamentos, sua forma de agir...
    Um grande abraço,
    Fernanda

    ResponderExcluir
  10. Olá Fernanda tudo bem com vc? Eu me chamo Rosangela e tenho 49 anos. Eu li os comentários e achei muito bons mesmo, a pessoa pode falar algumas coisas que ela sente e lhe encomoda tb, em me considerando eu me acho as vezes muito chorona mesmo sabe? quando vejo coisas bonitas na TV, cenas chocantes, uma ajuda que a pessoa necessitada ganga na TV, meu filho que tirou o primário, quando lembro dos meus pais e sinto muitaaaaaaaaa saudade de ver eles, um pedido de oração aflito, alguem judiando de algum animal ai eu não aguento eu falo mesmo com a pessoa bem brava para não fazer isso, quando brigo com a minha irmã ai eu quase morro mesmo dá uma tristeza muito intensa e nem consigo comer mesmo, quando a escola reclama do meu filho por algum problema que ele causou, quando tive problema sério na tireóide e tive que operaretc........ Essas coisas que relatei me faz chorar muito eu procuro muitas das vezes me controlar mas rezo sempre pra Deus me ajudar a controlar os meus problemas. Um abraço e fique com Deus!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rosangela! Depois de tudo o que você disse é importante perguntar se essas características que descreve atrapalham a sua vida? Porque quando não conseguimos lidar com algumas das características que possuímos, é preciso buscar ajuda. Abraços e obrigada pela contribuição!

      Excluir
    2. Olá Fernanda, quero em primeiro lugar agradecer pela sua atenção tão carinhosa viu? Muito obrigada de coração! Essas caracteristicas que descrevi no texto acima foi que eu quiz dizer pra vc, são os motivos que me fazem chorar mesmo sabe? Eu sempre procuro trabalhar para não sofrer muito com as minhas emoções, porque muito das vezes até o meu filho de 11 anos pergunta pra mim porque eu vejo televisão se quando passa cenas tristes eu fico ali chorando, mas as vezes não consigo me conter, quando me dou por conta as lágrimas já estão descendo mesmo as vezes me seguro mas vai dando aquela sensação de aperto na garganta que chega até doer ai eu não aguento, mas eu choro com educação, eu tenho uma irmã que mora comigo e ela está na faculdade aqui da UFJF, quando ela está estudando as vezes eu pergunto pra ela alguma coisa que eu não entendi e quando acaba a explicação eu sinto tristeza como é que o mundo funciona, Senhor! É muito triste como funciona a exploração com o ser humano que trabalha e a burguesia que domina o mundo. Minha irmã estuda Kal Marques. Fernanda vc intende muito do mundo não é mesmo? Muito obrigada! Um abraço e fique com Deus... Rosangela.

      Excluir
    3. Imagina Rosangela, o prazer foi meu!!
      Beijos.

      Excluir
    4. Olá Fernanda
      Não fazia a mínima ideia, pensava que era muito emotiva.
      Mas muito obrigada pelo despertar que me proporcionou agora.

      Excluir
  11. Parabéns!! Muito interesante o texto.

    ResponderExcluir
  12. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  13. Olá. Choro por quase tudo. Quando as pessoas me dizem coisas que me afetam ou têm atitudes erradas eu choro. Não sei ser forte o suficiente. O pior de tudo é que quando estou em situações complicadas eu nunca consigo pensar positivo. O pensamento negativo domina-me por completo. Nem sei explicar. È triste, porque eu muitas das vezes dou por mim a pensar "será que vou ser alguêm", "será que consigo mudar". Eu quando estou perturbada com alguma coisa, vêm logo mil pensamentos obscuros. Sei que qualquer pessoa consegue abusar de mim, porque muitas das vezes não tenho coragem de enfrentar :/ Por vezes sinto pena de mim própria.

    ResponderExcluir
  14. sou sensivel.quando minha gerente me criticou.cai no choro

    ResponderExcluir
  15. Parabéns. Agora aprendi a identificar uma pessoa sensivel de verdade.

    ResponderExcluir
  16. Parabéns, gostei muito de ler os depoimentos,e saber que estamos ainda gatinhando na esfera dos sentimentos para tornar-mos pessoas melhores do que somos.
    Eu acho de grande valia tudo isso.
    Parabéns pela iniciativa e um abraço a todos.
    Valéria Beatris

    ResponderExcluir
  17. Boa noite,

    Gostaria em saber de outro tipo de sensibilidade, no meu caso, passa anos e anos, pessoas sempre se aproxima de mim para desabafo e acabo fazendo a mesma a reeguer a fé, que toda a luta é vencida em Deus, sinto até mesmo atras de pessoas que não conheço na net, que aquela pessoa precisa de uma palavra amiga, assim mesmo sem eu falar nada com ela, sinto qdo a pessoa esta triste e com sofrimento, passando por qualquer tipo de dificuldade, sempre sei escutar e ouvir, tenho paciencia e dou animo para a pessoa, e no final todas falam que sou um anjo, e depois algumas fazem coisas que pode me desapontar e assim mesmo ajudou depois, se alguém faz algo e se distancie de mim, eu sinto q um dia a gente vai se rencontrar no mundo, e isto ja aconteceu , isto é um tipo de sensibilidade? pois sofro por causa do sofrimento do proximo, mais não deixo nenhum ficar sabendo que estou sofrendo, e sempre coloco os problemas do proximo primeiro que o meu, sempre sou sensivel as outras pessoas.
    Se puder passar o seu e-mail, para lhe explicar melhor as coisas e vc me ajudar, agradeço, esta ai o meu glayssynho@hotmail.co

    ResponderExcluir
  18. O seu texto não é muito sensível, pela forma que você conduz o texto parece dar uma bronca. Reduziu a sensibilidade (ou hipersensibilidade)a uma visão particularmente sua.

    ResponderExcluir
  19. Sensibilidade n tem nada a ver com escolha ou resposta... o auto controle pra alguem sensivel e mto dificil. Pensa bem, se eu sou sensivel a alcool. um shot eu fico torto e vc passa a noite bebendo bem. Quem e mais sensivel? O que a pessoa sensivel tem que aprender é atuar dentro da intensidade dos impactos e ter maturidade pra nao levar no pessoal.

    ResponderExcluir
  20. costumo agir sempre assim, como uma pessoa que você cita como verdadeira sensível, pensando na resposta a dar, me contendo, não reagindo..e isso é muito destrutivo, porque você poupa as pessoas de situações desagradáveis e chora sozinho. Sou exatamente essa pessoa que compreensiva e calma..e acredite não é bom! Pois, geralmente os ouvidos são dados as pessoas reativas..

    ResponderExcluir
  21. costumo agir sempre assim, como uma pessoa que você cita como verdadeira sensível, pensando na resposta a dar, me contendo, não reagindo..e isso é muito destrutivo, porque você poupa as pessoas de situações desagradáveis e chora sozinho. Sou exatamente essa pessoa que compreensiva e calma..e acredite não é bom! Pois, geralmente os ouvidos são dados as pessoas reativas..

    ResponderExcluir
  22. choro por tudo, fico triste por tudo, sofro

    ResponderExcluir
  23. Adorei o texto!! Nossa estou me achando muito infantil... Mais agora sabendo melhor a definição de sensível, tentarei ser!!!

    ResponderExcluir
  24. Excelente seu artigo, tenho certeza que ajudou a muitos a se descobrirem. Parabéns.

    http://abelhudoscg.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  25. eu realmente me identifiquei demais! pq eu vivo dizendo que sou "sensivel" eu choro facil,me aborreço por besteiras,até brincadeiras eu levo a serio! qual o meu problema,como mudar! eu gostaria de ser uma pessoa forte! eu não consigo! você acha que seria preciso começar uma terapia?!

    ResponderExcluir
  26. Bom dia, adorei seu texto! Bastante esclarecedor e surpreendente! Acabei de ser chamada na direção geral, aqui no meu trabalho, porque não sei lidar com uma pessoa difícil que é minha subordinada! A pessoa com quem tenho que lidar é idosa e mal educada. Então as pessoas dizem: ...você precisa saber lidar com ela, ela é difícil, e isso.. e aquilo..." Mas eu digo que não vim aqui para resolver o problema dela, vim para fazer meu trabalho e preciso de uma ambiente salutar pra isso. E no meu trabalho não está incluso aguentar um "ser humano" mal educado e que dificulta meu dia a dia. Ou será que está? Bom, só sei que depois das palavras da diretora comecei a chorar, pois considero a situação extrema. Me autodenomino "sensível", mas agora entendi que sou "reativa". Choro feito criança. Quero mudar isso e agora!? Quero ser sensível! Obrigada.

    ResponderExcluir
  27. Bom dia, adorei seu texto! Bastante esclarecedor e surpreendente! Acabei de ser chamada na direção geral, aqui no meu trabalho, porque não sei lidar com uma pessoa difícil que é minha subordinada! A pessoa com quem tenho que lidar é idosa e mal educada. Então as pessoas dizem: ...você precisa saber lidar com ela, ela é difícil, e isso.. e aquilo..." Mas eu digo que não vim aqui para resolver o problema dela, vim para fazer meu trabalho e preciso de uma ambiente salutar pra isso. E no meu trabalho não está incluso aguentar um "ser humano" mal educado e que dificulta meu dia a dia. Ou será que está? Bom, só sei que depois das palavras da diretora comecei a chorar, pois considero a situação extrema. Me autodenomino "sensível", mas agora entendi que sou "reativa". Choro feito criança. Quero mudar isso e agora!? Quero ser sensível! Obrigada.

    ResponderExcluir
  28. Interessante seu texto! As postagens de certa forma respondem e reforçam sua tese.
    Complexo !,Mais por que algo lógico ,pelas circunstâncias da vida me magoa sabendo que é natural.......ainda espero reconhecimento?

    ResponderExcluir
  29. Sou uma pessoa que empre acreditei muito no amor,aquela coisa reciproca.E parece que essas coisas,sempre dao eradas e me sinto muito frustrada.Sei quando alguem vem pro meu lado com certas intencoes,quando esta aprontando algo>Ou quando aprontou algo.Eu consigo ler as pessoas pela maneira que elas anda,falam,pelas atitudes.E isso acaba atrapalhando minha vida

    ResponderExcluir
  30. Olá Fernanda, queria saber se por acaso não sabe de nenhum livro que aborde o seu tema,acerca de pessoas reactivas, com mais informação e profundidade, pois tenho muito interesse em saber mais sobre esta temática.
    Obrigada.
    P.S.- caso queira responda para o meu e-mail: cici_girl14@hotmail.com.

    ResponderExcluir
  31. Olá,
    Gostaria que você me explicasse com suas palavras e se entendimento porque sou chorona. Sempre que me expõem perante aos outros não consigo ter outra reação a não ser o choro. E fico com vergonha aí não paro de chorar mais.E se ficam com pena de mim então.... Odeio ser assim, me sinto idiota e acho que todos ficam pensando me achando idiota tbm.
    Se puder me responder agradeço!

    ResponderExcluir
  32. Olá, gostava de partilhar os meus sentimentos com pessoas como eu, eu reago com o choro. Choro por tudo e por nada. Choro por pequenas coisas, choro por me insultarem, por me criticarem, isso toca-me no coração. Mas eu penso para mim, eu gosto de ser como sou, não me arrependo de ser assim, sensivel, porque isso demonstra que tenho sentimento, que sou uma pessoa que sabe sentir a dor, a felicidade, o amor, a crueldade, etc.

    ResponderExcluir
  33. Eu não me acho sensível, não consigo compreender porque eu choro tanto e com tudo, a primeira coisa que passa na minha cabeça é como se eu tivesse vivenciado aquilo, como se eu tivesse já passado aquilo e as vezes não é como se eu tivesse vendo aquilo e poder ter feito nada por aquelas pessoas e outras vezes é como se eu própria tivesse naquela situação e de um dia desses pra cá fico querendo entender td isso....

    ResponderExcluir
  34. TD que vejo eu choro, senas de injustiça, pobreza, abandono, em filmes e novelas... pra mim muitas as vezes é como se eu tivesse vivido td aquilo, em outras ocasiões parece que presenciei aquelas senas e não consegui fazer nada chego até ficar falando e me pego a mim perguntar se sou maluca na vida também é assim. De uns dias pra cá fico me perguntando porq sou assim.... acho que isso não é normal vc pode me ajudar a compreender isso?

    ResponderExcluir
  35. Dizem que chorar por tudo pode ser um sintoma da depressão eu não tenho certeza mais algumas vezes fico pensando se é verdade por eu também chorar por tudo e isso por algumas pessoas podem ser motivos de constrangimento em locais de trabalho entre amigos ou até mesmo familiares no meu caso é motivo de constrangimento na escola do nada começa a sair lágrimas dos meus olhos e não sei explicar o porque e sempre que qualquer pessoa que seja sorri ou está de bom humor acabo me contagiando e sorrio junto mais sempre isso em público agora quando eu fico sozinho fico triste não tenho fome e nem vontade de fazer nada só desenhar que é oque eu mais gosto de fazer e jogar por também me deixar destrai do e me fazer esquecer dos problemas em minha volta.Nunca tenho vontade de sair não importa com quem seja eu fico deitado na cama desanimado, nada consegue me animar quando eu fico assim,fico de cara fechada sem animo e totalmente nervoso a ponto de explodir um dos motivos de eu ficar as vezes triste é que a 3 anos perdi meu pai e fico pensando nele a toda hora e nesse momento fico triste e tenho vontade de chorar já fiz de tudo pra tenta esquecer isso mais não consigo e o único lugar que me fais ficar destrai do e em casa perto da minha mãe por isso não gosto de ficar na escola por ser sensível as pessoas me tratam totalmente diferente delas e por isso sou motivo de constrangimento mais tento não ficar triste mais parece ser impossível

    ResponderExcluir
  36. Eu não quero ser sensível, é horrível ser assim, preciso de ajuda urgente ...

    ResponderExcluir
  37. Meu nome e Bruna, eu me ofendo muito com qualquer situação de pressão, cobrança etc. E sinto muita vontade de chorar, eu odeio isso mas não conseguia controlar, a minha garganta começa dar parece um no, e meus olhos já ficam úmidos e não consigo responder, pois se eu falar alguma coisa o choro desencadeia, só consigo evitar o choro se eu ficar respirando bem fundo e ir engolindo o no da garganta, descobri que beber água me ajuda muito, sempre que tenho uma reunião no trabalho por exemplo eu levo uma garrafa de água e quando a vontade de chorar chega eu vou bebendo goles e respirando ate passar.. Sempre que tenho uma conversa cara a cara por exemplo passo por essa luta comigo mesma...

    ResponderExcluir
  38. Ola Fernanda eu tenho uma curiosidade como que a psicologia pode explicar e ajudar quando uma pessoa sabendo que esta' sofrendo em situacoes diversar, nao consegue se livrar do que sofre e' como se acostumasse a viver naquela situacao que esta' ruim e vai se arrastando naquela situacao por tanto tempo.

    ResponderExcluir
  39. oi, eu choro de mais desde que me entendo por gente, minha sempre diz q quando eu era pequena eu chorava só das pessoas me olharem, mas o tempo foi passando eu meio que mudei, mas não completamente, hoje eu ainda choro se uma pessoa me deixa sem graça, ou se ela me magoa, mas também não discuto, penso muito bem antes de falar, pq nçao gosto de ver ninguem triste, mas eu sou reativa ou não, aguardo respostas bjs

    ResponderExcluir
  40. "Todos podemos escolher nossa resposta às coisas que nos acontecem."
    Como frase de efeito, conselho de auto-ajuda ou convite à reflexão, vale. Mas sabemos que não é bem assim, exceto para pessoas "frias" e que sempre agem de caso pensado. Não acho adequado caracterizar essas pessoas como "sensíveis". Eu diria que são não-reativas.

    ResponderExcluir
  41. não sei mais o que eu sou auhsuhs eu ultimamente tenho chorado muito, normalmente choro quando meu pai fala alguma coisa pra mim que eu sei que são pra me provocar mas dói, ou me falam que choro por bobeira, ou meus amigos falam umas bostas pq estão com ciúmes e acabam sendo irônicos, ou quando lembro que não to cumprindo minhas metas.. me ajuda, nunca fui assim, só ta acontecendo esse ano.

    ResponderExcluir
  42. Meu filho de 6 anos é tímido e, acredito eu, muito sensível.É emotivo, chora com muita facilidade, e muitas vezes não consegue controlar o choro, mesmo querendo parar de chorar não consegue, e como ele mesmo já disse, "pagou mico" várias vezes na escola por não conseguir parar de chorar. Quanto mais perguntam "por que vc está chorando?", mais ele chora, e às vezes sai do seu controle, chegando a soluçar. Essa situação o incomoda bastante, porque ele fica envergonhado.Seria o caso de fazer terapia?

    ResponderExcluir
  43. Meu problema creio que seja a falta de confiança em mim mesma. E em certos momentos choro, choro mesmo, as lágrimas saem e por motivos bestas. Queria saber mesmo como controlar isso em mim...

    ResponderExcluir
  44. oi gente, quero mt a ajuda de vcs. N sei pq sou assim, e me odeio. Sou um tipo de pessoa que se magoa mt rapido e choro com besteiras, fico triste com besteira, que nem vc falou uns exemplos, mas sou o tipo pessoa que vc pode gritar, me bater e n vou reagir. Acho q sou a mistura de sensivel com reativas. .

    ResponderExcluir
  45. Oi, sou a Alice, tenho 18 anos... Pelo o que eu li percebi que sou sim uma pessoa muito reativa, não posso negar, pois me estresso facil, me desaponto facil, imagino coisas que não existe em determinadas situações, enfim, entre tantas outras coisas citadas acima... Mas nos ultimos meses eu tenho me sentido estranha que tenho ficado com medo de mim mesma.... não posso ver uma frase bonita, uma cena bonita, ouvir alguem falar algo bonito que na mesma hora começo a chorar, se ouço uma musica bonita eu me desmancho... tenho evitado parar de analisar o comportamento dos outros, como conversam, como se olham, se abraçam, pq se eu vejo eu começo a chorar... ja nao sei mais como esconder esse negocio de chorar por td... o engraçado é que isso só acontece quando quando se trata de coisas boas e bonitas.... devo me preocupar??? SOCORRO!!!!!

    ResponderExcluir
  46. Me desculpa, tenho a minha opinião, assim como respeito a sua.Acredito que a definição de pessoa que chora a tóa e tantas outras coisas não seja que ela seja insensível .Acho que realmente isso são sintomas de pessoas realmente SENSÍVEIS.Uma pessoa insensível é aquela que sabe lidar com seus sentimentos e suas emoções.Bem,cada um pensa e reage de uma maneira.Assim como só sabe quem sente.Jamais podemos sentir a dor dos outros, apesar de imaginarmos o tamanho, a dimensão do que sente alguém , só ela conhece.Parabéns pelo site!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada por partilhar sua opinião! Seja bem vinda ao Blog sempre que quiser! Abraços, Fernanda

      Excluir
  47. Sugiro que leiam http://www.brasilpost.com.br/2014/03/17/habitos-pessoa-sensivel_n_4980174.html

    ResponderExcluir
  48. Tem tratamento para pessoas assim

    ResponderExcluir